Postado em 20 de Novembro de 2017 às 11h37

Consciência negra para que e para quem?

Bem-estar (35)
Dr. Bem Estar - Seu Portal de Saúde! Nesses 120 anos de história, quase nunca se viu um deputado, governador ou senador negro, juiz, desembargadores, médicos, professores universitários, jornalistas de televisão, os...

Nesses 120 anos de história, quase nunca se viu um deputado, governador ou senador negro, juiz, desembargadores, médicos, professores universitários, jornalistas de televisão, os donos das grandes empresas, dos bancos, dos meios de comunicação e o alto escalão das forças armadas são integralmente formados por brancos, com uma ou outra raríssima exceção num ou noutro setor.

20 de novembro de 2017 – Brasil, mostra a tua cara!

Os negros permanecem submetidos à miséria, violência e ao ódio racial, que varia de piadas depreciativas sobre suas características físicas a linchamentos promovidos por playboys.

Esse ódio racial contra os negros segue sendo alimentado, o tempo todo, nas salas de estar das famílias por jornalistas brancos a serviço de redes de televisão controladas por bilionários brancos.

Mas quando os negros denunciam isso, apontando para as injustiças históricas, algum jornalista ou político saí falando em 'mimimi', meritocracia ou dizer que não somos uma sociedade racista e que aqui todos são iguais perante a lei... Embora muitos pretos ‘não valham nem o que comem’.

Preservar a memória é uma das formas de construir a história

É pela disputa da memória, da história, que nos últimos 37anos se comemoram no dia 20 de novembro, o ‘Dia Nacional da Consciência Negra’. Nessa data, em 1695, foi assassinado Zumbi, um dos últimos líderes do Quilombo dos Palmares, que se transformou em um grande ícone da resistência negra ao escravismo e da luta pela liberdade.

A diversidade de formas de celebração dos 20 de novembro permite ter uma dimensão de como essa data tem propiciado congregar os mais diferentes grupos sociais. "Os adeptos das diferentes religiões manifestam-se segundo a leitura de sua cultura, para dali tirar elementos de rejeição à situação em que se encontra grande parte da população afro-descendente. Os acadêmicos e os militantes celebram através dos instrumentos clássicos de divulgação de ideias: simpósios, palestras, congressos e encontros; ou ainda a partir de feiras de artesanatos, livros, ou outras modalidades de expressão cultural.".

Fonte: AMAZONAS ATUAL

Veja também

Setembro Amarelo: Precisamos falar sobre Depressão e Suicídio20/09/17 Neste #SetembroAmarelo, mês de Conscientização e Prevenção do Suicídio, preparamos esta matéria para informar sobre depressão e suícidio, além do que isso pode causar na vida de quem tem depressão. De acordo com a OMS 15 a cada 100 pessoas com depressão decidem pôr fim a própria vida. A depressão é......
Benefícios do Colágeno!26/01 O colágeno é encontrado nos tecidos conjuntivos do corpo, tais como os ossos, tendões, cartilagens, veias, pele, dentes, bem como nos músculos e na camada córnea dos olhos. Porém, com o início da fase adulta, a......
Juntos contra a Dengue!03/03/16 A QuantyVitta também apoia o combate e a prevenção da dengue. Vamos juntos lutar para combater o mosquito transmissor da doença. Segundo o site Dengue.org, “a melhor forma de se evitar a dengue é combater os focos de......

Voltar para (NOTÍCIAS)