Postado em 19 de Novembro às 10h16

Veja como engordar sem comprometer a saúde

Saúde (87)
Dr. Bem Estar - Seu Portal de Saúde! Se para a maioria das pessoas a vitória contra a balança significa eliminar quilos indesejados, para outras, o resultado almejado é ao contrário. O ganho de peso, assim como a...

Se para a maioria das pessoas a vitória contra a balança significa eliminar quilos indesejados, para outras, o resultado almejado é ao contrário. O ganho de peso, assim como a perda, está condicionado à diferença entre a ingestão e o gasto calórico, o que explica por que as dietas de quem pratica atividade física assiduamente e de quem tem hábitos sedentários precisam ser bem diferentes.

E o que faz com que uma pessoa tenha dificuldade para engordar enquanto outras lutam diariamente para manter suas medidas?

O nutricionista Leo Acro aponta alguns fatores. "Existem pacientes que têm em seu histórico familiar o corpo mais magro o que não significa abaixo do peso, casos de desequilíbrio hormonal, falta de apetite e outros em que o trabalho é muito desgastante, não equilibrando a balança entre gasto e consumo energético".

É importante lembrar que ganhar peso não precisa significar, necessariamente, adquirir aquela barriguinha saliente ou elevar os níveis de colesterol.

- Engordar implica em ingerir mais calorias, mas ninguém quer que venha junto o combo "celulite, gordura e doenças". Não é porque você pode comer mais que você deve comer o que vir pela frente. Facilmente absorvidos pelo organismo, doces costumam conter gordura hidrogenada em sua composição, o que, em excesso, faz mal para a saúde.

- A mesma regra básica que serve para o objetivo do emagrecimento vale para quem vai seguir uma dieta hipercalórica: não pular refeições e tentar se alimentar de três em três horas. A primeira coisa que considero importante na mudança do hábito alimentar é organizar seus horários. Essa é a peça chave de qualquer dieta.

- Quando pesamos em ganhar peso, devemos pensar em qualidade. Não consumir produtos industrializados, fast food, gorduras de má qualidade, muito carboidrato refinado. Quanto mais natural for a alimentação melhor para o seu organismo, mais nutrientes ele vai ter para trabalhar melhor.

- Os suplementos alimentares podem ser bons aliados no ganho de peso para quem não consegue suprir a quantia de calorias adequada apenas com a dieta, mas seu consumo deve ser sempre indicado por profissionais. O consumo excessivo de proteínas por meio de suplementos leva o organismo a usar este nutriente como fonte energética, se não houver a quantidade necessária de carboidratos na dieta, gerando toxinas que sobrecarregam os rins e causam perda óssea.

Fonte: GNT

Veja também

Cresce o número de homens em busca de tratamentos de beleza!06/11/17 Mercado masculino movimentou R$ 19.6 bilhões em 2016. Foi-se o tempo que vaidade e cuidados com a beleza eram exclusividade das mulheres. O Brasil ocupou, em 2016, a segunda colocação no consumo mundial de produtos específicos para o público masculino, com uma movimentação de R$ 19,6 bilhões. Os números são da consultoria Euromonitor.......
Benefícios do Consumo do Alho!10/06/16 O alho (Allium sativum) é um vegetal da família das iláceas, sua característica mais marcante é o cheiro que se deve à presença da alicina (óleo volátil sulfuroso). Quando as células do......
Chá x café: qual deles é melhor para a saúde?12/07/17 Esqueça o sabor. Entre o chá e o café, qual deles traz mais benefícios e qual prejudica mais a saúde? O site da BBC Future analisou os estudos científicos realizados até hoje sobre os efeitos das......

Voltar para (NOTÍCIAS)