Postado em 14 de Março de 2017 às 08h55

Protetor Solar: Motivos para usar Sempre!

Beleza (38)
Dr. Bem Estar - Seu Portal de Saúde! Este é um assunto que os dermatologistas não se cansam de avisar a população: a proteção contra as radiações solares. Estas, que podem causar manchas e...

Este é um assunto que os dermatologistas não se cansam de avisar a população: a proteção contra as radiações solares. Estas, que podem causar manchas e riscos de formação de câncer de pele. E por mais que as pessoas são avisadas, são poucas que realmente se preocupam em utilizar diariamente os protetores solares.

De acordo com a dermatologista Suzy Rabello, além da conscientização com os cuidados com a exposição ao sol, é preciso saber qual tipo de fator de proteção é o mais adequado à cada pele. “Eu recomendo a utilização de filtro solar a partir dos 6 meses, embora a exposição ao sol não seja indicada até esta idade. Para crianças de até 10 anos, o ideal é a utilização de filtros solares infantis, que geralmente são antialérgicos”, afirma.

Já os adolescentes podem usar os mesmos filtros solares que os adultos. Como nesta fase da vida a pele fica mais oleosa e propensa à espinhas, a dermatologista recomenda a utilização de filtros em gel ou em gel creme. “É importante visitar o dermatologista para que ele indique qual o melhor tratamento para acne (espinhas) e qual o protetor solar que irá beneficiar a pele do adolescente”, declara Suzy.

Já para a proteção diária, o ideal é a escolha pelo grau de proteção solar de FPS 30, podendo ser maior como no caso de pacientes que sofrem com doenças como o Lúpus (doença em que o sol agrava), ou pessoas que possuem manchas de sol como os melasmas, processos pós inflamatórios ou depilação a laser.

Os protetores solares devem ser reaplicados durante o dia para garantir a eficácia do produto. “Recomendo a reaplicação a cada duas horas nas áreas que ficam expostas ao sol. A aplicação deficiente do produto pode reduzir o fator de proteção. Com a aplicação em intervalos menores, é possível minimizar os erros de utilização do protetor”, detalha a dermatologista.

A médica ainda explica que é necessário usar protetor solar mesmo em dicas nublados, onde 80% da radiação UV atinge a superfície da terra. Mesmo que aos olhos um dia nublado pareça inofensivo a pele, os danos serão os mesmos, pois a radiação continua presente.

Fonte: Mulher com Saúde

Veja também

Saiba mais sobre a Febre amarela05/02 A febre amarela é uma doença infecciosa grave, causada por vírus e transmitida por vetores. Geralmente, quem contrai este vírus não chega a apresentar sintomas ou os mesmos são muito fracos. As primeiras manifestações da doença são repentinas: febre alta, calafrios, cansaço, dor de cabeça, dor muscular, náuseas e vômitos......
Saiba as diferenças entre os chás Branco, Verde e Preto01/03 Seja no inverno ou no verão os chás são ótimas opções de líquidos para acrescentarmos no dia a dia, assim incluimos sabor na dieta e ainda desfrutamos de benefícios como ação antioxidante e......
Gravidez: Nutrição em dose dupla!23/08/16 A espera por um bebê é um período marcante na vida de um casal, repleto de expectativas e descobertas. E, como as novidades são ainda mais intensas para a mulher, em especial, o Nutrição Prática &......

Voltar para (NOTÍCIAS)