Desconecte-se e reconecte-se: trilhas e parques ao ar livre no oeste de Santa Catarina e Paraná

Cansado da rotina corrida e do estresse do dia a dia? Sente falta de contato com a natureza e ar puro? Então prepare-se para uma aventura inesquecível no Oeste de Santa Catarina! Aqui, você encontra uma variedade de trilhas e parques ao ar livre para todos os gostos e níveis de experiência.

A importância de se conectar com a natureza

Passar tempo ao ar livre é essencial para a nossa saúde física e mental. Estudos comprovam que atividades como caminhadas, trilhas e piqueniques reduzem o estresse, a ansiedade e a depressão, além de melhorar o humor, a qualidade do sono e a criatividade.

Estar em contato com a natureza também nos ajuda a nos conectarmos com nós mesmos e com o mundo ao nosso redor. É uma oportunidade para refletir sobre a vida, apreciar a beleza da natureza e sentir gratidão pelas coisas simples.

Trilhas e Parques no Oeste de Santa Catarina

O Oeste de Santa Catarina é um paraíso para os amantes da natureza. Aqui, você encontra montanhas, cachoeiras, rios, florestas e campos, além de uma rica fauna e flora.

Para te ajudar a aproveitar ao máximo sua aventura, preparei uma lista com algumas das melhores trilhas e parques da região:

1. Parque Nacional da Serra do Iguaçu:

Localizado na tríplice fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai, este parque é um dos mais famosos do mundo. Aqui, você pode fazer trilhas com diferentes níveis de dificuldade, admirar as Cataratas do Iguaçu, uma das Sete Maravilhas Naturais do Mundo, e conhecer a rica biodiversidade da região.

2. Parque Municipal Paulo Gorski

Com uma área de 1.200 hectares, este parque é um dos maiores da região. Aqui, você pode fazer caminhadas, piqueniques, praticar esportes e relaxar em meio à natureza. O parque também conta com um lago artificial, onde você pode fazer pedalinho e pesca.

3. Trilha da Cachoeira do Véu da Noiva:

Localizada em Urubici, esta trilha leva até a Cachoeira do Véu da Noiva, uma das mais bonitas do estado. Com um percurso de 3 km, a trilha oferece paisagens exuberantes da mata atlântica.

4.  Trilhas das Piscinas Naturais do Sítio di Amici em Anchieta

A caminhada ecológica tem percurso de 3.400 metros, onde é possível realizar a observação da fauna e flora, com suas exuberantes árvores encontradas no local, bem como admirar a beleza cênica proporcionada pelas 7 cachoeiras e 5 piscinas naturais formadas no Arroio Primeiro de Janeiro.

5. Rota dos Cânions

A viagem neste universo é uma verdadeira aventura que tem uma duração de aproximadamente cinco horas nas quais são percorridos cerca de 34 km, sendo 19 km de asfalto e 15 km de estradas de chão (As estradas são municipais, os moradores dos locais possuem carros pequenos e utilizam essas estradas sem problemas).

No passeio faremos uma trilha de 800m – passando por 2 cachoeiras onde você poderá tomar um banho inesquecível. Ou apenas contemplar suas belezas.

A nossa próxima parada é no Mirante Vale do Sol. Até lá são 6 km de estradas de 

chão subindo pelo Cânion Primavera até alcançar o asfalto. Em seguida, mais 13 km de estrada até chegarmos no Mirante, onde também temos o Balanço Infinito. Além de ser uma experiência incrível, o local também proporciona belos cenários que merecem ser fotografados.

Finalizamos o dia com mais uma experiência memorável, Marshmallow na fogueira ao pôr do Sol. Realizado na sede da Ar Livre Ecoturismo, com uma visão privilegiada do pôr do sol, faremos uma fogueira para assar marshmallow.

6. Volta do Dedo

Localizada em Quilombo, a Volta do Dedo é um dos principais pontos de ecoturismo do estado. O local oferece diversas atividades para os amantes da natureza, como rapel, escalada, trekking e mountain bike.

Dicas para aproveitar ao máximo sua aventura:

  • Planeje sua trilha: Escolha uma trilha que seja adequada ao seu nível de condicionamento físico e aos seus interesses.
  • Leve o equipamento adequado: Use roupas e calçados confortáveis, leve água, protetor solar, repelente de insetos e lanches.
  • Respeite a natureza: Não deixe lixo nas trilhas, preserve a flora e a fauna e siga as regras do parque.
  • Divirta-se!: Aproveite ao máximo a sua aventura e conecte-se com a natureza!

E aí? Pronto para se aventurar pelas trilhas e parques do Oeste de Santa Catarina?

Lembre-se: o contato com a natureza é essencial para a nossa saúde física e mental. Então, calce seus tênis, pegue sua mochila e prepare-se para uma experiência inesquecível! Se você quer encontrar algum hobbie diferente, ou saber a importância de ter um, leia nosso artigo sobre este assunto clicando aqui! 

Compartilhe nos comentários: Qual trilha ou parque você gostaria de conhecer primeiro? Já fez alguma trilha no Oeste de Santa Catarina? Conte-nos sua experiência!

Compartilhe esse post!

Related Posts